sexta-feira, 16 de março de 2007

Emergente

— Moleeeque!!!! Ai, menino, não faz xixi aí não! Não tá vendo que aqui vende coisa de comer? Ai, que horror, por isso que fica tudo fedendo aqui. Sai daqui, por favor..., você não tem mãe não? Vem cá, onde você mora? Ai, meu Deus, todo sujo... Isso é hora de criança ir pra escola, você tá em qual série? (...) Nossa, tô achando lindo, muito debochado você, nossa, parabéns! Garoto, não senta aqui não, assim você espanta freguês. Sai daí, anda, eu vou chamar meu marido, hein. Não, melhor, eu vou chamar a polícia. Ai, meu Deus, por que isso comigo, Senhor? Por quê? (...) Ai, garoto, cê me faz até insultar o Senhor Jesus Cristo, perdão Senhor. Um dia eu saio desse lugar, lugar imundo de gente sem educação. Que merda... Que você quer? Toma essa maçã, toma esse dinheiro aqui, vai embora. Que você quer, hein, garoto? Como é que você chama, o gato comeu tua língua?

— Ah, vaisefudê!

— (...) Geraaaaaaaaaldo!!!

Nenhum comentário: