sexta-feira, 9 de março de 2007

texto curto aleatório

escreve porque a música inspira
escreve porque o corpo pede
escreve porque não entende o ímpeto
cria poema onde não tem vontade
foge da rima, lembra de idéias

parte pra segunda estrofe.
mesmo sem desejá-la.
cria tópico,
movimenta comunidade

misto de poesia fake e tecnologia
navega em ondas compartilhadas
brinca na ambigüidade

suspira, olha pro lado,
estala os dedos,
olha pra tela
chega ao fim com um ponto final.

Nenhum comentário: