quinta-feira, 24 de maio de 2007

Por dentro

O morro estava em silêncio. O céu, que era violeta, foi partido por raios, brilhantes como choques. Ele, lá embaixo, olhou para tudo aquilo e se perguntou: onde está meu coração?

Nenhum comentário: