quarta-feira, 14 de outubro de 2015

normal

o presidente da câmara dos deputados tem R$10 milhões não declarados em contas na suíça, diz que não vai falar a respeito, que não renuncia por nada. natural para a maioria da população. em um país de gente esclarecida, já estaria afastado do cargo na primeira suspeita em investigação.

um casal de homens se beija num bar. um cara se acha no direito de dizer que eles não podem fazer aquilo ali. um beijo. uma pessoa que se sente no direito de determinar o que a outra deve fazer ou não em público. e assim, matam, violentam. normal, comum.

a travesti anda na rua e quase todos se sentem no direito de fazer uma piada em voz alta. pessoa-objeto, pessoa-nada. pode violentar.

nas festas, os caras puxam as mulheres pelo braço com violência. mulher-objeto, violência comum, normal.
normal também comer vegetais cheio de agrotóxicos. comer veneno todo dia. pulverizar veneno, envenenar normalmente, comum.

normal trabalhar mais de oito horas por dia e passar quatro horas no trânsito, polícia com fuzil arma de guerra na rua, parar ônibus com gente preta na direção da praia, preto morrer só porque é preto, porque é preto e pobre. natural ouvir música em inglês no rádio, na festa adolescente, mesmo estando no brasil e não entender NADA.

é tudo bem natural, normal, comum.

Nenhum comentário: